Genderless – a moda sem gênero

As barreiras entre moda masculina e feminina entraram em pauta quando coleções unissex começaram a aparecer nas principais semanas de moda de 2015. O ano de 2016 promete trazer para as ruas a moda fluída que transita entre o guarda roupa de homens e mulheres, a começar pela cor tendência de 2016 que representa a fluidez de gênero.

Genderless é uma moda sem gênero, em que roupas e acessórios são criados sem distinção de feminino e masculino. Coco Chanel deu o ponta pé se inspirando em muita coisa do guarda roupa masculino para a moda feminina. Atualmente, a calça boyfriend, sapatos Oxford e peças oversized foram pouco a pouco ganhando espaço e aceitação do público.

Imagem: Reprodução
Imagem: Reprodução

A moda genderless vai muito além de pegar a roupa emprestada do namorado ou namorada, ela é um reflexo do comportamento mundial atual. Cada vez menos veremos lojas e araras divididas por feminino e masculino.

No Brasil, essa tendência ainda começa a dar passos tímidos e incertos, para as garotas o caminho é ainda menos tortuoso do que para os garotos, mas grandes marcas como a brasileira dos calçados de plástico, Melissa, já começam a dar atenção especial para esse público, lançando numerações maiores e criando modelos unissex.

E você? O que acha da moda genderless?

 

Leia o post anterior:
Pantone 2016: empresa elege pela primeira vez duas cores

Depois do Marsala em 2015, a cor do ano de 2016 são duas: Rose Quartz e Serenity que prometem estar...

Fechar